Não vamos esquecer!

with Nenhum comentário

Comissão que revisará currículo dos cursos de Jornalismo só será conhecida em 2009

Prevista para o início de dezembro, a Comissão do Ministério da Educação encarregada de revisar as diretrizes curriculares dos cursos de Jornalismo só deverá ser formalizada e iniciar seus trabalhos em janeiro de 2009. A FENAJ, Fórum Nacional de Professores de Jornalismo e Sociedade Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo têm posição contrária a idéia de retorno do ciclo básico nos currículos.

A proposta de constituição de uma comissão para analisar o currículo dos cursos de Jornalismo foi apresentada pelo ministro Fernando Haddad em audiência com representantes da FENAJ, FNPJ e SBPJor em outubro. As três entidades manifestaram disposição de colaborar com propostas para melhorar a formação acadêmica na área e de indicar nomes para a Comissão, mesmo tendo claro que a composição da mesma não se daria com o caráter de representação de entidades, mas sim com um perfil de personalidades com experiência acadêmica e profissional.

Posteriormente o ministro indicou o professor José Marques de Melo para presidir a Comissão e encarregar-se de sua composição. A partir de sua instalação, a Comissão terá 90 dias para elaborar um diagnóstico e propostas a serem submetidas ao Conselho Federal de Educação.

Leia a matéria completa…

Não podemos deixar que isso aconteça! Participe e junte-se a campanha em defesa do diploma de Jornalismo! Não podemos esquecer e devemos itensificar a mobilização neste fim de ano para sensibilizar o Supremo Tribunal Federal sobre a constitucionalidade da exigência de curso superior em Jornalismo como requisito para exercer a profissão!

Deixe uma resposta