Encontro dos Poetas em Tx. de Freitas reúne ativistas culturais do extremo sul da Bahia

with Nenhum comentário


Quando começou, há uma década atrás, o Encontro dos Poetas tinha a intenção de firmar a poesia como arma, palavra, mão, festa, pão e trabalho, idealizado por Zé e Baiana do Espaço Cultural da Paz. O evento cresceu e tomou a dimensão de um encontro de ativistas culturais, que pensam a cultura não com a formatação de eventos desgarrados da realidade e de ideais de mudanças.
Refletir sobre a realidade e provocar a possibilidade de mudanças, sempre foi o mote do Encontro, compromisso compartilhado com outros companheiros no extremo sul da Bahia, em Caravelas com o Movimento Arte Manha, em Belmonte com o CAIPORA- Centro de Artes Integradas, com a Associação Estela Chaves em Porto Seguro e em Eunápolis com o Viola de Bolso.
Por isso o movimento da Rede Cultural Bahia ao extremo ganhou força e se firmou como um movimento cultural autônomo, fora do eixo dos vícios da política partidária, sem base legal ante o estado mas com forte base social nos movimentos culturais, sem vínculo partidário mas com definição ideológica classista contra o capitalismo e de inspiração lationoamericana, pela soberania e autodeterminação dos povos.
São estes referenciais teóricos e o fazer artístico da luta de resistência que permeia o Encontro dos Poetas e dará o tom dos outros encontros da Rede.
O evento se insere no projeto “Territórios Culturais” através do Edital 11/08 da Secretaria Estadual de Cultura da Bahia, com recursos do Fundo de Cultura da Bahia e que prevê diversas mobilizações políticas culturais no estremo sul da Bahia. Na quinta tem show de Dércio Marques as 21h e na sexta o Viola de Bolso apresenta o seu CD “Encantados. Para saber mais acesse http://napalmadocidadao.blogspot.com/2011/07/econtro-dos-poetas-comecou-com-dialogos.html

Deixe uma resposta