seo agency

40 anos do assassinato de Lamarca

with Nenhum comentário

CINECLUBE Viola realiza programação cultural em homenagem ao guerrilheiro

O Espaço cultural do Viola de Bolso, através do Cineclube Viola preparou uma programação cultural com duas sessões de Cinema, um recital poético e um show musical nos dias 15, 16 e 17 de setembro respectivamente. A mostra é em memória aos 40 anos de morte do Capitão Lamarca, assassinado pela ditadura militar em 1971.

O documentário “Do Buriti a Pintada – Lamarca e Zequinha na Bahia”, dirigido pelo cineasta e historiador de Ibotirama, Reizinho Pereira Santos, tem narração do ator Paulo Betti. O filme relata os tempos medonhos da ditadura militar e apresenta os últimos dias da vida do guerrilheiro capitão Lamarca, assassinado em 17 de setembro de 1971, no sertão da Bahia. Apaixonado pela história, Reizinho tinha dois anos quando Lamarca e José Campos Barreto, Zequinha (e também Otoniel Campos Barreto e o professor Santa Bárbara), foram assassinados na região. O interessante é que o documentário se baseou no resgate de uma gravação com José de Araújo Barreto, pai de Zequinha, Olderico e Otoniel, já falecido, e barbaramente torturado na operação de cerco aos guerrilheiros.

O cineasta Reizinho trabalhou como assistente no filme “Lamarca”, do diretor Sérgio Resende, que se inspirou no livro “Lamarca, o Capitão da Guerrilha” (Global Editora) dos jornalistas Emiliano José e Oldack Miranda.

Programação do Cine Viola :

  • Dia 15/09(quinta), as 19h30 – LAMARCA – O filme.
  • Dia 16/09(sexta), as 19h30 – DO BURITI A PINTADA: LAMARCA E ZEQUINHA NA BAHIA – Documentário seguido de bate papo e Recital Poético.
  • Dia 17/09(sábado), às 21h – Show musical XENGA E CAROLINA.

Obs.: Sobre os filmes vê sinopse aqui ou aqui

Deixe uma resposta