AQUI ESTAMOS

with Nenhum comentário


Aqui retornamos nós de nós mesmos,
Como camadas duplas na placenta da terra
O espírito, a sombra, o sol
Quimeras intocáveis.

Aqui retornamos nós,
Da pequena estadia nos astros mais distantes
No brilho incandescente da noite
Do tempo
Do caos
Do medo.

Aqui estamos nós,
Na grandeza descoberta da serra
E no desvio incansável da estrada.

Sem medo de buscar as saídas,
Descansados do caminho.
Aqui estamos nós:
Ouvindo a música que segreda o grão e o fogo dos sonhos,
O fogo que nos faz seguir o caminho.

Deixe uma resposta