Bahia analfabetismo

with Nenhum comentário

E O POVO NEGRO

Vários jornais, dentre eles o Correio da Bahia divulgou dados do Censo 2010, apontando o analfabetismo ainda em alta no estado, vinculando os números com a realidade social dos negros, quadro emblemático de uma sociedade desigual e preconceituosa.

De todos os estados brasileiros, a Bahia é o que possui a maior população de analfabetos em números absolutos. Esse foi o resultado apontado pelos Indicadores Sociais Municipais do Censo Demográfico 2010, divulgados nesta quarta-feira (16), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Analisando os números, do total 1.729.297 de cidadãos com idade superior a 15 anos, 16,6% da população baiana não sabem ler nem escrever. Quando o critério observado é a raça, os que possuem as piores taxas de alfabetização no estado são os negros (17,8%), seguido pelos pardos (17,1%) e pelos indígenas (18,9%). No caso específico da população negra, a maior taxa incide justamente sobre os que possuem idade acima de 60 anos (52,1%). Agora se incluirmos aí os dados dos que se declaram ‘pardos’ e que o Censo mostrou também uma taxa espantosa de analfabetos, os números são alarmantes e só confirmam as mazelas e preconceitos desse modelo decadente de sociedade que temos hoje.

Deixe uma resposta