Minga Cultural em Assentamento Maravilha

with Nenhum comentário

Propostas de aliança entre projetos culturais e a agricultura familiar

Nos dias 22 e 23 de setembro, o Assentamento Maravilha recebeu os ativistas culturais do Viola de Bolso Arte e Memória Cultural para mais uma edição do projeto Minga Cultural,  que tem mobilizado jovens estudantes e demais pessoas de comunidades tradicionais das cidades de Eunápolis, Guaratinga e Belmonte. Com o apoio da Secult Bahia através do Fundo de Cultura, o Viola de Bolso tem chegado a estas comunidades abrindo diálogos culturais que visam fortalecer ou revitalizar manifestações já presentes no local. Compartilhando saberes e estimulando novas produções. Essa experiência de diálogos entre diferentes práticas culturais busca romper com a visão estreita  de muitas pessoas e instituições que pré-conceituam e sugere implícita e erroneamente que estes lugares não tem cultura(quando dizem que estão levando a cultura para o interior).

Por isso que a  ação do Viola de Bolso é de fortalecer expressões artísticas e fortalecer identidades.

Mais que isso, a ação do Viola de Bolso estimula a reflexão sobre as identidades e as condições de vida que cada comunidade vive, em vistas de movimentações que levem à busca da autonomia, de mudanças e discussões  que aflore as potencialidades artísticas e crítica de cada pessoa. O dialogo tem se dado com a escola, com a comunidade e as lideranças  políticas.

Veja as fotos aqui

Deixe uma resposta