3ª Caminhada Cultural

with Nenhum comentário

Com o tema “memória cultural de Eunápolis”, o Viola de Bolso Arte e Memória Cultural realizará neste sábado (4/05), a partir da 9h da manhã, a sua 3ª Caminhada Cultural, movimento que reúne artistas locais e principalmente as turmas das Oficinas de artes do projeto Ponto de Cultura do Viola.

O Cortejo cultural, imbuído da Cultura Viva sairá da sede da instituição as 9h da manhã, percorrerá ruas do bairro dr. Gusmão, um trecho que liga o bairro ao centro da cidade, passando pela avenida Porto Seguro e terminando na praça da Bandeira. No local ocorrerão diversas performances e esquetes teatrais, além de uma roda de capoeira e leitura de poemas sobre a cidade e seus autores.

Segundo os ativistas do viola de bolso, o evento é a tentativa de ‘acordar’ a cidade para observar os seus movimentos de tensão que exerce as frentes desenvolvimentistas – e reacionárias – em detrimento do seu meio ambiente campesino e urbano, de suas comunidades culturais e de suas tradições. Essa tensão provoca desequilíbrios e ameaça sobremaneira as identidades, as culturas e, consequentemente, a memória, conclui os dirigentes do Viola de Bolso. Acordar a cidade para a cultura viva, para as diversas expressões artísticas que insistem em resistir e que as autoridades constituídas negam veementemente.

A Caminhada Cultural vai chamar a atenção também para a necessidade das políticas municipais de cultura, firmar garantias  que espaços de decisão e proposição de ações culturais sejam criadas. Além disso, na pauta do Viola de Bolso consta a campanha pela aprovação da Lei Cultura Viva – atualmente  à qual se vincula os projetos de Pontos de Cultura no Brasil.

 

Deixe uma resposta