Valorizar a história local

with Nenhum comentário

SAMSUNG DIGITAL CAMERA

 

O cartaz levado pela moça alegre diz: ‘tem memória a sua casa, tem memória a sua rua? E qual é a sua? O questionamento, que foi a expressão das ações do Viola de Bolso em 2013, vinha recheada de reflexões sobre a memória cultural de Eunápolis e perguntando como os cidadãos estão antenados com a sua história nos dias de hoje.

O Viola de Bolso trabalhou o tema em suas atividades artísticas culturais, de maneira coletiva e individual, com a intenção de contribuir com a cidade e ajudar a revitalizar aspectos culturais que formam as identidades urbanas de Eunápolis. Claro que neste primeiro momento a reflexão se deu muito mais no interior das oficinas de artes entre os alunos, os professores e ativistas culturais, do que nas ruas, enquanto que os pais, parentes e amigos dos alunos do Viola de Bolso eram chamados a colaborar, levantando informações ou algum fato histórico.

confluência Rua guarani com rua dos coqueiros
confluência Rua guarani com rua dos coqueiros

A experiencia vivenciada pelos ativistas do Viola de Bolso e os alunos das oficinas de artes mostrou com é significativo recompor a memória cultural, de modo a revitalizar sensações, respeito, solidariedade e identidades. Os trabalhos produzidos pelos alunos das oficinas trouxeram à tona diálogos culturais com fatos e histórias das pessoas, de grupos ou de lugares.

indicação de oficina de sucatas
indicação de oficina de sucatas

SAMSUNG DIGITAL CAMERA

A turma de teatro lúdico elegeu recompor história através de dois relatos da turma e articulou pesquisa, teatro, audiovisual em uma composição única. Já o grupo de alunos do teatro de intervenção urbana contou a história de formação da cidade, citando personagens, desbravadores da antiga 64, hoje Eunápolis.

Nas paredes do espaço cultural foram fixadas fotografias de locais inusitados da cidade em tamanhos grandes.

Ao longo de meses os grupos de alunos visitaram lugares, entrevistaram pessoas, assistiram filmes e leram revistas que contam a história da cidade. De toda essa imersão é que foram tecidas as apresentações artísticas na IV Semana de Arte de Eunápolis que ocorreu entre os dias 04 a 08 de dezembro/13.

SAMSUNG DIGITAL CAMERA

A proposta agora é organizar e sistematizar relatos históricos, coletar novos depoimentos, dialogar com comunidades culturais e criar um portal da memória, como mecanismo que estimule ainda mais a valorização das culturas locais, do fazer histórico e das diversas expressões artísticas dos indivíduos ou de suas comunidades.

Deixe uma resposta