Nota pública do Viola

with Nenhum comentário

MANIFESTA!

Nota do Viola de Bolso

Recentemente, em face de uma publicação nas redes sociais do departamento municipal de cultura manifestando apoio a uma evento de tatuagem que deverá ocorrer em Eunápolis, algumas pessoas se manifestaram questionando o ‘apoio’ do poder público ao evento de natureza empresarial, ao criticar a falta de apoio ás culturas locais, à falta de uma política cultural séria, aproveitando e citando o trabalho e as dificuldades do Viola de Bolso. O comentário gerou uma série de outros comentários positivos, de reflexão, de apoio ao viola de bolso e de levantamento de questões sobre diversos temas.

Foi interessante, tem sido interessante, porque é justamente o debate aberto e sincero que faz esclarecer as coisas, vir à tona outras questões e fazer que as pessoas se posicionem.

O que não vale é a distorção do assunto nem a desqualificação das manifestações de que possa constranger alguém, seja a pessoa ou a instituição que está envolvida nos assuntos.

Porque a tatuagem é uma cultura milenar dos povos e foi adotada pelas pessoas nos centros urbanos de todo o mundo. Não é crime, sofre preconceito e deve ser apoiada. Isso não quer dizer que recursos públicos tenha que financiar projetos de empresas, seja a natureza comercial que for;

Porque o departamento municipal de cultura deve se atentar para o seu papel, de representação e promoção das culturas, e responsável pela instalação da política pública de cultura, enquanto poder publico que é;

Porque as culturas locais e as expressões culturais de maneira em geral tem os direitos à produção, à fruição e ao consumo culturais, de acordo as leis culturais vigentes; estas devem ser cumpridas.

Porque cabe ao legislativo municipal apoiar e defender, fazer respeitar as leis municipais da cultura e ajudar a garantir o financiamento público aos eventos culturais;

Porque os direitos culturais – assim como a saúde, a educação e a assistência social – são garantidos por leis, a partir(no caso da cultura) do Sistema Nacional de Cultura e dos pactos federativos com governos estaduais e municipais. E Eunápolis é signatário dessas leis(ao aderir ao SNC e criar o Sistema Municipal de Cultura);

Porque o Viola de Bolso Arte e memória Cultural, além de ser uma instituição juridicamente reconhecida, é de luta, de resistência e tem base social.

Porque a sua base social tem lastro na cultura e na memória local e não se omite na crítica direta nem no seu posicionamento político, em defesa do bem público e na quebra de preconceitos.

Por isso o Viola agradece as manifestações de apoio, se coloca aberto ao debate e continua a sua caminhada cultural com as dificuldades de sempre.

#Eu apoio o viola de bolso!

Deixe uma resposta