QUEM BRINCA NO PONTO?

with Nenhum comentário

Atividades culturais no Viola de Bolso tem a cara da cidade

Este ano iniciamos as atividades do espaço cultural Viola de Bolso em março, aproveitando para reunir pais e alunos com a reflexão sobre a cultura local, tratando do tema “A Cultura tem futuro”, que logo depois se transformou na proposta de projeto cultural para a cidade.

Ainda estamos em abril e já temos – os novatos – 76 alunos matriculados em nossas oficinas culturais, além dos meninos e meninas do ano passado, em torno de 25 jovens.

Ou seja, em menos de dois meses e, as atividades culturais reúnem mais de 100 alunos diretos. Se incluirmos aí os seus pais ou demais parentes, tem significância a ação que intencionamos articular enquanto projeto cultural em Eunápolis. Não como barganha ou pedido de apoio pessoal, ao contrário, trabalho coletivo e crença no papel transformador da cultura, como afirmação do valor que conferimos à cultura e o direito de todos reconhecido por lei, de acesso aos bens culturais no Brasil.

Sejam bem vindos meninos e meninas!

Veja abaixo uma projeção em gráfico

 

Os dados apresentados aqui são uma preliminar da quantidade de pessoas que o projeto cultural do Viola de Bolso articula e mobiliza, de caráter comunitário e de cidadania cultural. No rumo dessa pegada comunitária, já realizamos dois seminários temáticos: o primeiro, “A Cultura tem futuro” e o segundo, numa articulação com professores e alunos do Ifba de Porto Seguro, “Genocídio do povo negro” mobilizaram diversas pessoas.

 

O passo seguinte será a apresentação do projeto “Cultura tem futuro” – um projeto cultural para Eunápolis, a ser apresentado, entregue cópias e protocolado junto a poder público municipal.

 

Deixe uma resposta