Últimas notícias

Pontos de Cultura vive
with Nenhum comentário

DEZ ANOS DEPOIS Há exatos doze meses, escrevi um texto sobre o lançamento do primeiro edital de pontos de cultura na Bahia, publicado pela Secult Bahia no começo de 2008, em que os projetos aprovados e ajustados no final do … leia mais

Poesia e resistência no viola
with Nenhum comentário

Literatura, poesia como resistência   Quem tem medo de poesia é um evento literário realizado pelo espaço cultural do Viola de Bolso, com o objetivo de reunir poetas de todas as idades, estimular a leitura poética do mundo, dos livros … leia mais

mulher preta e líder por moradia
with Nenhum comentário

Narrativas da cidade, dia 11 de novembro, domingo da consciência negra: Dona Udda, mulher preta, foi liderança na luta por moradia em Eunápolis No começo da década de 1960, o povoado de Eunápolis começava a crescer. Uma ocupação do lado … leia mais

No amargo da Terra – Cap. Final
with Nenhum comentário

TUSSILAGEM Bebo o chá de Camomila e não amarga como o fel da terra Viajo com a Melissa e a Tussilagem faz-me tremer as pernas. Sinto o cheiro do Equisseto que anestesia meu interior Adormeço com o Salgueiro e sonho … leia mais

Duas Vidas
with Nenhum comentário

Será que a opinião pública está tão interessada assim na visão que Narcisa Tamborindeguy ou Adriane Galisteu têm da vida? A julgar pelo espaço que a mídia dedica a esse tipo de formador (?????) de opinião, o Brasil virou um … leia mais

Definidos 10 objetivos de ação dos participantes do FSM 2009 em Belém
with Nenhum comentário

Entre 10 e 12 julho, integrantes da Comissão de Metodologia do Conselho Internacional e do Grupo Facilitador local estiveram reunidos em Belém para avaliar as respostas à consulta realizada entre maio e junho e definir o conjunto final dos objetivos … leia mais

No amargo da Terra – Cap. II
with Nenhum comentário

CARQUEJA A Trimera nasceu espadachim cheia de gomos, “touceiras” pelo campo. Eu vi seu corpo se alastrar pelos caminhos Lá na mata dos índios, lá na baixada do rio, Perto da casa do pajé. Essa carqueja valente, Essa carqueja do … leia mais

No amargo da Terra – Cap. I
with Nenhum comentário

ALUMÃ Sem adoçante Sem açúcar Sem piedade. Entre os nervos Entre os sonhos Entre os intestinos. Somente folhas Fora dos dicionários Ausente das medicinas. Dos amargos da vida Das ressacas do tempo Dos sumos mais rançosos. O fel dos soluços … leia mais

SOLANO TRINDADE E A LUTA COM A POESIA
with Nenhum comentário

F da P Amor Um dia farei um poema como tu queres Dicionário ao lado, Um livro do vocabulário Um tratado de métrica, um tratado de rimas Terei todo o cuidado com os meus versos. Não falarei de negros, de … leia mais

VIVA SOLANO!
with Nenhum comentário

GRAVATA COLORIDASolano Trindade Quando eu tiver bastante pão para meus filhospara a minha amadapros meus amigos e pros meus vizinhos….quando eu tiver livros para ler,Então eu comprarei uma gravata colorida, larga, bonitae darei um laço perfeito e ficarei mostrando a … leia mais

with Nenhum comentário

with Nenhum comentário

POETA DA LIBERDADE Solano foi um poeta que conhecemos cedo, digo cedo, quando nós do VIOLA DE BOLSO começamos a cantar a recitar os seus poemas. Um dos poemas que nos marcou foi este transcrito abaixo, que nos remete a … leia mais

with Nenhum comentário

VIVA SOLANO TRINDADE ! Poeta Pernambucano nascido em 24 de julho de 1908, Solano cantava a liberdade. Nesta semana em várias cidades do País seu nome e seus poemas serão recitados como sempre foram, cheios de fé e esperança. Cem … leia mais

1 100 101 102 103 104